sexta-feira, 11 de fevereiro de 2011

But wowy

...
... ' conspiracy '
...
...
Você falou do seu jeito: ' Com ou sem você ... '
Mas, sem você, eu não quero nem pensar ...  mesmo ;
Aliás, nem cogito porque eu não concebo isto ! tsts !
Penso em tudo e algo mais, mas isto, não mesmo !
Nem me passa pela mente porque ... não dá ! 'xenxânxi' !
[ xê konhéxi o 'xênxânxi' da manxúlhia ? vulgo : tsts ? ]
Fala : você quer que eu escreva bonito, aqui ...
ou prefere que eu escreva a Verdade ?
eu prefiro que você me fale a Verdade
do que me fique com história : sabe 'pruquê' ?
Porque falar a Verdade é muito fácil,
mas só ouve, quem realmente vive com ela ,
e pra isso, tem que colocar esse mundão de parte !
( Glub ! ... Nossa Tô 'ningulinu' in seco ! )

...
...
A minha Verdade é essa : canto aqui pra você ;
e canto a mesma música que cantaria onde fosse,
se estivesse à tua frente olhando nos teus olhos ,
... e tocando na tua face ... e sussurrando ...
... a mesma ... exatamente a mesma ...
... sem tirar nem pôr ' ponto nem vírgula ' ...
... ainda que isso só aconteça na hora certa ...
e nunca na véspera , ainda que se queira , não ?
Na Verdade, é melhor que assim seja : hora certa !
Essa , [não] nos pertence , e vc sabe disso ...
e ainda bem, né, porque senão ... se pertencesse ...
... nisso que se faz p'ra que aconteça ;
nem antes, nem depois : mas na hora certa !
Pro instante que tiver que ser ...

...
...
Sá' pruquê ? 'Causa do namoro ... ou cê çisqueceu ?
Eu n! misqueci não ... dinada ... mas ... tâmulonge ...
... mas pertinho ... aliás eu acho que nunca , ninguém ,
esteve t! perto de mim , como você , apesar de longe ,
e de n! ter falado comigo, a Forma como eu queria ...
... mas ... no silêncio dessa 'falta' ... fala muito mais ...
e o quanto ... mais do que se eu estivesse aí , agora ,
do teu lado , fosse de que jeito fosse ... e onde fosse :
de mãos dadas , e te abraçando, te beijando ou ...
simplesmente te olhando, e sussurrando com o olhar
as palavras que não se falam por falar
por n! encontrarem espaço no tempo ,
que , por si só , é tocado por este 'sentido' ...
e o universo falar na alma : ' conspiramos ' !!!

...
...
N! importa, porque não somos senhores da situação ;
 se achássemos o contrário , talvez ... mas ... e aí ?
 E aí que seríamos nós a conspirarmos pela nossa vontade ,
 e todo mundo já sabe dessa história ...
 a tal do ' jardim ' ... e d/o que aconteceu ... né ...
 mas isso n! é tema pra gente ...
 é só olhar ao redor e ver o resultado disso, mas ...
 ainda bem que aqui , ao meu redor , olho e vejo ...
 você ... porque você é a conspiração do universo ,
 a se consumar em hora/dia/mês/ano prescrito ,
 e ... se já tá ' descendo ' aqui , então ...
 é porque tá se revelando a Sua Vontade ...
... e não a nossa !

...
Na Verdade, a conspiração já se deu faz tempo ,
 e tá mais do que consumada ... Dna. Você !

...
...
E fala pra mim : como é se sentir assim ?
É : como é se sentir o centro de uma Vontade Soberana ,
da qual a própria vontade que se tem, nada é ?
Nossa : é estranho, não é ?
Mas é muito bom porque é ...
Quer mais reticências ? Olha : Acho que se eu ...
enchesse a tábua celestial inteirinha de reticências ,
ainda assim não seriam suficientes pra descrever a :
conspiração ; ou ... o que você achou ?
Que eu não seria louco o bastante pra isso ?
Ora : se a vida se deu pelas reticências
do Sonho da Luz ...
vc acha que elas não estariam aqui, 

à frente de todos ?
E por quê dessa Forma ?

Porque Você é a Dna ..... !
Sra. das Tábuas Celestiais !
As da Conspiração ...
das reticências ...

... !!!
...
...

2 comentários:

  1. Ler e voltar a ler...Entrar e sentir as Palavras. Depois..depois ficar perto do que queremos é fácil. É sentir, pensar e ir... NAMASTE

    ResponderExcluir
  2. Hoje, 03/11/2014, este post recebeu acerto final de link's, p/ back-up geral.

    ResponderExcluir