quinta-feira, 15 de outubro de 2015

Ez 40[3] - Do Muro

...

I. Do muro ...

no meio dela, a sua glória.’ Zc 2.4,5 [Zc 3.9] ..

.. espelhos 1Co 4.5 ; En 39 : 'a Glória no meio dela' : a Obra, em que Deus é tudo em todos, nos link's que Revelam a Forma da Ressurreição , espelho do Armagedon .. centro da Consciência da Obra .. [em que a Perfeita Síntese previu a infinita imundície [da Forma Gerada - humana] na escolha da hipocrisia, renegando o Criador que na Forma Gerada viria, a Seu Tempo] .. aonde o Muro Exterior [invisível] reside nas palavras dos blog's que rodeiam a Casa [Templo].

II. Que não se vê ...

Ap 21.22,23 .. ‘Nela, não vi santuário,
e o Cordeiro é a sua lâmpada.’

..

! .. uma cana, e outra cana [11], refere-se à imagem no espelho Espiritual .. [Batismo] .. ao falar, pela consciência : ‘.. peço-te que me envies a Judá ..’ [Hb 7.14] .. ou seja: ‘peço-te que me permitas ir a Jesus Cristo’ .. e nisto, vai-se com o Firme Propósito da reedificação, pela na Verdade do que se revela através do Seu Sangue, em Luz Inatingível [o muro que não se vê com os olhos da carne]! .. em que vai-se a Judá, e a Cristo, na certeza da perseguição [Mc 10.29,30] no Caminho da Luz que ocorre ‘por todas as partes’, devido à Verdade do Oculto que sacrificou-se pela obrigação do voto manifesto nesta Graça:

Isto, porém, é para que se cumpra a palavra escrita na sua lei:
Odiaram-me sem motivo.’ Jo 15.25 .. [agregado às Parábolas .. 15 .. e .. 25]

...

2 comentários:

  1. Esta lauda foi criada e editada em 15/10/15.

    ResponderExcluir
  2. Acerto de link's em conjunto aos link's Ez 40.2-5, em 16/10/2015.

    ResponderExcluir