sábado, 9 de janeiro de 2016

3 Or.[02/Rv]

[Txt Original - click p/ acessar]
[Txt Revisão c/ link's - abaixo]
...
...
pg. 02
...

          Sobre as Águas do Espírito Santo

          O que é o Espírito Santo? É o Espírito da Verdade e da Vida [Jo 14.6]! O Espírito de Jesus Cristo [Jo 8.23] em Sua Geração, em Luz [Jo 8.12] inatingível à carne [1Tm 6.16]! Geração esta, que por Si só é um Milagre, e esta é a Essência do Espírito, em Sua Concepção ... sem princípio de dias, nem fim de existência!

          Então, o que fazer aqui: descrever Milagres, ou discutir a respeito do Espírito
          ... Descrever Essências? ... Concepções? ... Verdades? [Jo 3.12]
          ... A Vida é um Milagre! ... A Imagem da Essência do Espírito
          ... E o que fazermos ao recebermos um milagre
          ... Agradecemos [?] ... De qual Forma

          Testemunhando o que recebemos; Vivenciando este Milagre, Graça, em agradecimento ao Espírito, com palavras simples [... sem mas, pois, por quê’s, todavias, contudos, poréns, entretantos]; sem as mazelas dos enredos ideológicos das concepções da sabedoria humana, na insensatez das suas considerações ponderativas refletivas sociais/filosóficas/religiosas, quando se trata da Sua definição [que Lhe pertence] ...

          Espírito Santo é o que o ser humano não concebe [1Co 2.14] e busca as suas definições por ele mesmo, sem a Sua Verdade: e, como haverá Verdade na definição correta do que não se concebe nem se recebe, e muito menos se crê, em Verdade [?]; e a Verdade do Espírito [Sua Essência] é revelada por Ele, conforme a Sua Vontade a quem Lhe Apraz, pela Sua Obra, através da Graça de um Encontro Espiritual [e ñ há outra Forma - Jo 14.26]; e, no que Se revela pela Sua Graça a quem Lhe Apraz, entra-se na Sua Eternidade, que por Si mesma é um Milagre, sem Princípio nem Fim de Existência! ... e por isto Ele gerou o Milagre da Vida, fugaz, que aí está aos olhos de todos ... 

          Ora: descreve-se .. Milagres?
          De que Forma .. descreve-se .. o Espírito da Criação, se Ele É, por Si só

          Quanto mais o Seu Princípio e Fim, inconcebível à carne, sem que Ele, por Sua Graça, a Ilumine à compreensão da Sua Eternidade ... Nesta [atemporal N’Ele], vê-se e compreende-se o Seu Cc/orpo, e assim, a Sua Consciência, em Luz * [as reflexões e geração de Imagens, por Analogia das Sinapses] ... * em Movimento na Geração da Imagem, é a Sua Santidade que Lhe Pertence ... Simples assim!

          Esta é a abertura da consciência ao âmago deste Livro.

          O Espírito é Soberano N’Ele Mesmo, em Sua Justa Luz, sem necessidade de pedir licença a algo; mas o mundo não recebe isso [pois há o detrato público através das teorias da matéria, pelas achâncias e pensânsias da carne, autônoma em suas considerações]; e o que posso fazer a esse respeito? [Jo 3.12] - faço a minha parte da melhor Forma possível, independente se o mundo recebe ou não [... e suportar todas as ‘cargas’ da separação das ‘sabedorias’]; porque nisto, fica-se paralisado na estagnação das histórias [reflexônicas], e entra-se nas suposições do mundo ... e as do Espírito não são suposições, e sim realidades espirituais, e somente uma pessoa Iluminada por Sua Graça, as compreende e as aceita, então ...

...
...

próximo: pág. 03

...
...

2 comentários:

  1. Esta lauda foi publicada e editada em 09/01/16, e no sequente dia 10, das 07:45 às 14:45 hs, seus versos e caps foram publicados na Bíblia II.

    ResponderExcluir