sábado, 9 de janeiro de 2016

3 Or.[20/Rv]

[Txt Original - click p/ acessar]
[Txt Revisão c/ link's - abaixo]
...
...
pg. 20
...

          Da mesma Forma são os dízimos, propósitos, sacrifícios [1Co 10.20,21], lágrimas das emoções nas justificações visíveis por trombeta [Mt 6.5-8 ; 7.15-23 ; 23], pois a religiosidade do engano [1] faz com que muitos [senão quase a totalidade] pensem que isto lhes traz algum proveito espiritual [Lc 6.32-36], seja mesmo, até, através do sustento aos altares [1Co 9.13,14] que, hipoteticamente, sejam constituídos divinamente ao serviço de Deus [Hb 5.1-4], e a isso, basta ver os que destratam Sua Mãe, Maria, e os Justos [Profetas, Apóstolos, Discípulos ...]! 

          Quanto às ‘línguas estranhas’ [línguas espirituais], muitos sustentam que ‘balbucios’ são pertinentes, e os justificam pela Palavra de At 2 [Pentecostes], em Isaías:


‘Pelo que por lábios gaguejantes e por língua estranha 
.. falará o SENHOR a este povo, ...’ 
Is 28.11 

          ... e trazem a justificação do ‘balbucio’, pela fala de Paulo: 



          ... mas de Forma alguma discorrem sobre 1Co 14 [Rm 14.1] e a clareza de q, se alguém fala mistérios, que ore para que interprete a língua que fala [1Co 14.13] e seja claro [1Co 14.9], de Forma inteligível [1Co 14.6], pois, se não é para edificação [1Co 14.1-19], então para que falar ao léu, visto que não entendem o que falam? ... Somente para sobressaírem aos demais? ... [por isto falava-se em Parábolas] ... 

          Na Verdade, o caso é o engano espiritual que ocorre por quase todas as partes, aonde o ser humano se basta nas aparências da Santidade e da Luz, recolhendo a mão do auxílio a quem necessita; vale-se mais na satisfação do próprio ego, no sentido do ‘cumprimento da parte [nt/Cedrom]’ por dízimos e falas espirituais das mãos lavadas, do que as estendê-las, sujas, a quem necessita [Mt 25.31-46] unicamente, de Amor; assim sendo, está mais que explicada a miséria espiritual [Mt 24.12: ‘E, por se multiplicar a iniquidade, o amor se esfriará de quase todos.’] que impera na Terra, pois só concede Amor, quem o tem; e este, só o Espírito Santo sabe aonde está [quem por Ele é guiado – este, com certeza que não destrata a Virgem Maria, nem os Justos, nem ninguém, seja quem for] ...

          Qual é a Plenitude do Espírito? ... balbuciar gaguejâncias às claras, quando foi dito que o faça no ‘quarto’? Pois, o que fala o Sermão do Monte? 


E, quando orardes, não sereis como os hipócritas;
Tu, porém, quando orares, entra no teu quarto e,
E, orando, não useis de vãs repetições, como os gentios;
 porque presumem que pelo seu muito falar serão ouvidos.
Não vos assemelheis, pois, a eles;
porque Deus, o vosso Pai
sabe o de que tendes necessidade,
antes que lho peçais.Mt 6.5-8

          E, por qual motivo, assim falo? ... pelo que é o ‘balbucio’, e o que aqui  representa nas águas da Gestação deste líquido amniótico, aonde ‘o Espírito Santo habita corporalmente’ ... 

...
...

próximo: pág. 21 .. [III Parte]

...
...

2 comentários:

  1. Esta lauda foi publicada e editada em 09/01/16, e no sequente dia 10, das 07:45 às 14:45 hs, seus versos e caps foram publicados na Bíblia II.

    ResponderExcluir
  2. Versos e Capítulos linkados em 18.01.2016.

    ResponderExcluir